domingo, 17 de maio de 2009

AH, OS DEUSES


"Faunos vão atrás do jovem Baco
Hera coroa sua testa supernatural
Que tal como a de Apolo
Possui eterna juventude
Em torno do jovem deus, lindas bacantes
Com címbalos, flautas e tirsos,
Embriagadas dos pomares naxios e do vinho
De Zante, entoando versos delirantes"

(Canção de Beber, de Longfellow)

Sem comentários:

Enviar um comentário