quarta-feira, 17 de novembro de 2010

DUAS PALAVRAS

Duas palavras, juntas, com a expressão de uma grande força. com muito significado. Porque não se entra em trilha longa, de percurso difícil, sozinho. E no fim, é preciso existir e registrar, de todas as formas possíveis, duas palavras. Quando elas faltam, chegam muitas outras, que sequer deveriam ser ditas. É uma questão de escolha. Ou não nos intimidamos e as dizemos ou optamos por tudo que seja mesquinho. Duas palavras que concentram o enorme poder da gratidão. Duas palavras de honra.

3 comentários:

  1. A Bem Da Verdade17/11/10, 12:04

    Você merece.

    ResponderEliminar
  2. Amamos você.

    ResponderEliminar
  3. Sabem que, no curso da vida, a gente diz o que pensa, o que sente. Quem não diz "muito obrigado" - e são muitos os que não dizem - é porque não sente.

    Daí caímos de novo nas escolhas: vamos escolher (con)viver com quem é assim?

    ResponderEliminar