quinta-feira, 18 de novembro de 2010

E NÓS PENSAMOS...

... porque pensar não dói.

A saudade é da presença do amor. E não há dor de saudade que persista e seja maior que a alegria de se ter vivido coisas tão boas. Abismo de Rosas, de Dilermando Reis. Seu Antônio bem que tentou me ensinar...

Sem comentários:

Enviar um comentário