sábado, 15 de janeiro de 2011

BALANCETE PARTICULAR - CANTO PARA AMENIZAR

Silêncio. Sou adepta daquele, que não é como gripe, que dá em qualquer um. Saber guardar seu silêncio é para poucos. Guardo em mim. 

Já fui ao fundo do poço
Sem tropeçar no caminho
Eu já beijei uma rosa
Sem me importar com o espinho
Se sofri, se chorei
Da minha dor, só eu sei
Se foi bom ou ruim
O que passou, eu guardo em mim

Sem comentários:

Enviar um comentário