sábado, 22 de janeiro de 2011

QUESTÃO DE ESCOLHA: BRASIL IMORAL X BRASIL DECENTE


Desde minha tenra idade ouço que o Brasil é o país do futuro. No primário aprendi sobre a história do Brasil, contada como maravilhosa, e com o passar dos anos e leituras mais aprimoradas fui percebendo que a verdade dos fatos não era bem aquela.
Desde o descobrimento, Portugal como dono e senhor do Brasil enviou todos os prisioneiros para cá, sem família, e com o único propósito de desvendar as riquezas escondidas nas matas e florestas dessa nova terra além-mar. 
Dividindo o país em capitanias foi distribuindo títulos de nobreza a homens sem a mínima decência e honradez. Em troca, todos deveriam enviar as riquezas descobertas para a mãe-pátria.
E assim começou a verdadeira história do Brasil, institucionalizando a rapinagem, a esperteza e a exploração, deixando para trás a colonização e consequentemente o desenvolvimento desta nova nação. 
E com o passar dos anos fui observando que, do açougueiro que te vende carne cheia de sebo até os grandes industriais e empresários de rede de supermercados, tentam, de alguma maneira, lesar o povo brasileiro. 
Parto agora para o poder público e mais indignação toma conta de minha alma, ao tomar conhecimento a cada dia da verdade. Aqueles que deveriam primar pela ética, lisura e responsabilidade são os primeiros a regulamentar o erro em causa pópria, assim como fazia Portugal. 
Sinto que é chegada a hora dos brasileiros, do mais humilde ao mais poderoso, deixar de lado sua individualidade e ganância e dar voz à sua indignação, clamando por um Brasil decente, não só para as gerações futuras mas para nós, aqui e agora!
Está em nossas mãos, e utilizando todos os meios de comunicação, o compromisso de levar esse clamor, como formiguinhas que constróem sua nova morada para o inverno que se aproxima.
Temos sempre a opção de escolher o que desejamos para nós e para o país, e transformá-la em atitudes produtivas. E deixo a pergunta: qual Brasil você quer? 
Brasil imoral ou Brasil decente?
(Leia também: QUESTÃO DE OPINIÃO)

3 comentários:

  1. Uma área que se presica desenvolver no Brasil é a farmacopéia. Precisamos urgentemente de um grande estoque de SIMANCOL, em cápsulas, gotas e xarope. Há que ser fartamente distribuído em todos os prédios dos poderes constituídos e em doses para tratamento de choque.
    Enquanto não se o faz, cabe-nos usar destes expedientes para levantar nossos protestos; firmes, fortes e audíveis, com certeza.

    ResponderEliminar
  2. marcia190722/01/11, 19:45

    o problema é que o brasil que eu quero não e o mesmo que o povo quer. pq o povo é a cara desta política mediócre que está aí. o povo joga lixo na rua, come coisa dentro do supermercado e não paga,diz que achado não é roubado e farinha pouca meu pirão primeiro.
    podemos e devemos lutar para melhorar o país, mas sabendo diante mão que o maior empecilho virá do povo que em sua maioria como na maioria dos político querem levar vantagem em tudo.

    ResponderEliminar
  3. Pois é,Marisa, lemos tb que na carta q Cabral manou ao rei, umas das frases foi:"--Aqui,tudo se plantando,dá!"

    E ele começou plantando os bandidos, os degradados,etc,etc...

    E os costumes deles se perpetuaram!
    Cito o caso da Capitania Hereditária do Maranhão-Sarney!

    Quer caso mais ilustrativo que este?
    E, como bem a Márcia 1907 escreveu,o brasileiro,infelizmente, quer se dar bem!Realmente, este governo é bem a cara do nosso povão! Pena...

    ResponderEliminar