quarta-feira, 16 de março de 2011

BOLSA-BLOG. EU QUERO.


O espanto do dia é a autorização para a cantora Maria Bethania captar, via renúncia fiscal, R$ 1.300 milhão para criar um blog.  Nele, pretende postar um vídeo por dia onde a própria lê poemas famosos. Deu-se a ele o nome de "projeto cultural de alto nível". A questão causa indignação não por causa da artista. Mas por conta de ser projeto de um blog! Não é um portal com infinitos recursos. Nem mesmo um site, pelo amor de Deus! Além do valor absurdo para um...blog, paira a dúvida de que, há três anos, a mesma artista não teve aprovado, pelos técnicos do mesmo Ministério da Cultura, um seu projeto de captação de recusos para uma turnê. Obviamente, o então ministro ignorou o parecer técnico e aprovou o projeto na canetada.

O que mudou, do ano passado para cá? Só a pessoa que ocupa a cadeira de ministro da cultura. Que todo mundo sabe quem é, e irmã de quem é. Pois para mim, isso tem cheiro de benefício para a patota corporativa. Assim como foi há três anos atrás. 

Alegam os defensores que o projeto está dentro da Lei Rouanet. Pois veja no site (não financiado pelo meu, o seu, o nosso dinheirinho) O Implicante, o que significa essa captação "legal".

Outro argumento em defesa desse absurdo é exatamente que se trata de incentivar a educação, democratizando o acesso, via internet, ao tal "projeto cultural de alto nível". Ora bolas, quantos milhares de blogs gratuitos, que não custam um centado ao impostuinte, existem na web, com esse mesmo objetivo? Disseminar cultura. Falácia, é o nome disso. Por que a cantora, que pobre não é mesmo, não assume o discurso de solidariedade e bem comum da esquerda e vai disseminar sua cultura de alto nível, na web, de graça? Ferramentas para blog, gratuitas, existem à profusão. Para gravar videos, como ela se propõe, basta a webcam do computador. A filantropia doa e financia a cultura para o povo. Não cobra dele.

Pois os blogs que nunca receberam nenhum centavo da Progressista República Popular do Chiqueiro, reivindicam a sua bolsa-blog. Este blog está na fila.

Razões não faltam, e bem parecidas com o projeto de Bethania: publicamos, pelo menos, uma poesia por dia (Cai a Noite, seção fixa do blog), divulgamos a cultura popular através das crônicas de costumes do cotidiano, como as da Mirtes Guimarães. Já registramos a história do blues e do rock, colaboração do doutor Lunarscape. Se isso não for cultura, é o quê?

E o quê dizer da Filosofia? Há publicados, pelo menos, uma centena de posts de autoria do nosso pensador, estudioso de filosofia, BSchopenhauer. É cultura. E de altíssimo nível. 

Como informação adicional, em defesa da concessão do benefício para este blog aqui, esta que vos fala ainda canta. A honestidade - coisa inexistente na esquerdopatia - me obriga a dizer que não, não canto tão bem quanto a Maria Bethania. Mas a meu favor pesa o fato de que sou bem menos feia do que ela!! Dizaê! 

Bolsa-blog já.

P.S.: R$ 1.300 milhões para democratizar a cultura de alto nível recebe meu apoio se o desgoverno obrigar todos os beneficiados do bolsa-miséria a recitar os 30 poemas publicados no mês imediatamente anterior, no blog da Bethania, para receber o benefício.

3 comentários:

  1. E também, esta ação, está de acordo com as diretrizes do Governo. Em especifico a diretriz número 11.

    11. Valorizar a cultura nacional, dialogar com outras culturas, democratizar os bens culturais e favorecer a democratização da comunicação. - Serão ampliados os pontos de cultura e outros equipamentos, além da implementação do Vale Cultura. A comunicação livre, plural e capaz de refletir as distintas expressões da sociedade brasileira será favorecida. O fortalecimento do Sistema Nacional de Cultura permitirá uma presença maior de iniciativas em diversas cidades do País. A memória e o patrimônio histórico e cultural nacional serão valorizados. Além disso, o Ministério da Cultura proporá iniciativas para fortalecer a indústria audiovisual nacional, conectando-a com a de outros países, em especial os da América do Sul. Serão aperfeiçoados os mecanismos de financiamento da cultura.

    Tá no site do Governo este texto. Copiado e colado! É cada jeito que se acham para estarem nas tetas... ah! é verdade, o outro canta e aqui se aplica:

    Dona das divinas tetas
    Derrama o leite bom na minha cara
    E o leite mau na cara dos caretas

    ResponderEliminar
  2. Enquanto os brasileiros que estão no Japão estão implorando uma ajuda do nosso governo para voltarem a "Pátria Amada", tipo compra de passagem ou fretamento de um avião ou até mesmo o envio de um avião oficial para resgatá-los, o MinC da a ajuda de R$ 1.300 para Maria Bethania ler poesias num blog, nada contra a poesia, mas temos muita cultura grátis na internet, porque gastar tanto dinheiro com a irmã de Caetano? Não seria melhor ajudar os brasileiros que estão precisando?

    ResponderEliminar
  3. Está sobrando dinheiro assim? Renúncia fiscal, como é conhecida o abatimento de despesa com a lei de incentivos culturais, é séria e não é para qualquer projeto.
    O Blog ficou caro, pois terá audiovisual de qualidade, diretor renomado, e aí? BLOG e BLOG com nível cultural tão bom, quem sabe melhor.
    Dinheiro na mão do Estado é vendaval, por isso essa falta de critério qualitativo e quantitativo. Fácil gastar com o produto do nosso trabalho, não?

    ResponderEliminar