quinta-feira, 10 de março de 2011

BOM DIA, ESTADO

Estado expropriador. Sócio majoritário que capitaliza os lucros do nosso trabalho, sem contrapartida alguma, cujo anão parasita em forma de desgoverno a cada dia   mostra bem a sua cara, a sua roupa, e fica pior. Mas ninguém liga muito.  

Estado de discurso, essência e caráter. Discurso 'humanitário', socialista, com exército de animadores da moral propagando suas frases de efeito, fazendo todos acreditarem que a sua vida é feliz para não perceberem que sua vida é propriedade do estado. A essência desse estado, no entanto, é mais totalitarista do que nunca, com as digitais dos Porquinhos da República do Chiqueiro já bem definidas. O seu caráter, esse é tão somente o da corrupção que carrega em seu genoma esquerdo-petista. 

Uma esperança? Alguma? Havia: a tão desejada reforma política. Que não só não virá como será desfigurada, a exemplo dos membros que fazem parte da comissão que não "analisará" nada que seja de interesse da política pura, da evolução desta e da sua moralização. E assim, pode-se enterrá-la de vez. 

De certo, no nosso futuro, só a "morte e os impostos."

"Estamos caminhando para o socialismo, um sistema que, como se diz, só funciona no Céu, onde não precisam dele, e no Inferno, onde ele já existe." (Ronald Reagan)

3 comentários:

  1. Igual à estorinha do sapo na água quente, quando se acordar para o fato, a faca estará enterrada até o cabo na entranhas da nação. E aí será tarde.

    ResponderEliminar
  2. marcia190710/03/11, 18:32

    adorei a frase de reagan...

    ResponderEliminar
  3. E você escreve: "Mas ninguém liga muito".

    Ainda consigo achar que as pessoas ligam, sim. Só não passam disso. Ou seja, você tem razão.

    Bom Dia, bom dia para o Estado, também.

    ResponderEliminar