sábado, 12 de março de 2011

À PROCURA DA NOTÍCIA PERFEITA

Só eu sinto falta de boas notícias nos jornais, TV, etc?  Tem que procurar muito, com persistência obstinada, para encontrar alguma.  Quando vejo, principalmente no Twitter, meio rápido de ler de tudo um pouco, aquelas postagens cheias de mil beijos e uma alegria escancarada através de "KKKs" repetidos [e em CAIXA ALTA] chego quase às raias da zelotipia. Que capacidade é essa que alguns têm de  abstrair-se? Parece que dispõem de uma tesoura emocional que corta a parte real e deixa apenas os leves sentimentos. Ah, sim, isso é um elogio, cutucada aqui por Medusa...  


"Os bons vi sempre passar
No mundo graves tormentos
E pera mais me espantar,
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamentos.
Cuidando alcançar assim
O bem tão mal ordenado,
Fui mau, mas fui castigado.
Assim que, só pera mim,
Anda o mundo concertado."
(Luiz Vaz de Camões)


1 comentário:

  1. Tem gente que parece permanentemente aterrado: drena toda energia própria prá fins não produtivos.

    ResponderEliminar