domingo, 19 de junho de 2011

É DOMINGO - QUANDO O HOMEM QUER



Sim, o homem é o seu próprio fim. E é o seu único fim. 
Se quer ser qualquer coisa, tem de ser nesta vida. 
Agora sei, aliás, que embora conquistadores falem 
algumas vezes de vencer e de exceder, 
o que eles querem sempre dizer é «excederem-se». 
Suponho que sabem o que isto quer dizer. Em certos momentos, 
todos os homens se sentem iguais a um deus. É assim, pelo menos, que se diz. 
Mas isto vem do facto de eles terem sentido, num instante, 
a espantosa grandeza do espírito humano. 
Os conquistadores são somente aqueles homens que sentem a sua força, 
o bastante para terem a certeza de viver constantemente nessas alturas 
e na plena consciência dessa grandeza.
É uma questão de aritmética, de mais ou de menos. 
Os conquistadores são os que podem mais. 
Mas não podem mais do que o próprio homem quando ele o quer. 
É por isso que eles nunca deixam o crisol humano, 
mergulhando no mais ardente da alma das revoluções. 

Albert Camus, em "O Mito de Sísifo"

1 comentário:

  1. Escrevo poesias também...
    Adoro este mundo de lirismo, busca pela beleza...

    Permitiria que eu mande uma das minhas e publicaria,se por um acaso as mesmas lhe agradassem ?

    http://politicaemoral.blogspot.com/

    ResponderEliminar