sexta-feira, 17 de junho de 2011

E NÓS PENSAMOS: NOITE ETERNA PARA ORÇAMENTO DESGOVERNADO


Toda essa inabilidade para o trabalho ético, sério e competente, mas  habilidade absurda para o crime que compensa, a saber, taxas de sucesso, contratos de consultoria, gastos não-contabilizados, gastos contabilizados sem licitação e sem transparência, que favorece o sobrepreço, nada disso é novidade da versão III do desgoverno das Trevas. A presidente que aí está, desfavorecendo o país e os brasileiros com sua inoperância, foi criada pelo seu antecessor, o Expirado, o ex-presidente do Tempo do Mensalão. Criada e alçada ao poder, por obra e graça do financimento moral, logístico e monetário de sua campanha, promovidos pelo de cujos que expira, querendo voltar à luz a todo custo. E o desgoverno desgovernado de dona presidente está só começando a mostrar a cara. E como gosta.

Na esteira da decisão dessa semana, do STF, tudo o que for apologia ao crime, in my opinion, your Honor*,  poderá ser liberado, como "liberdade de expressão".  É a prerrogativa perigosa que aquele Tribunal concedeu. Eu desafio qualquer um a provar que não há viés ideológico nessa decisão. Que trata-se de decisão totalmente fundamentada na Constituição Federal. Que não há incidência do pensamento esquerdistamente instituído ,que grassa nas instituições que deveriam zelar apenas pelo cumprimento da lei, e não da ideaologia. 

A doutrina esquerdistamente onanista usa e abusa dos movimentos de suposta defesa de direitos para, insidiosamente, implantar o que tem de pior. O começo de tudo, é através da linguagem, cunhando termos como "liberdade de expressão",  que possam ser desvirtuados para seu único interesse. Intimidade para tal semântica, o desgoverno das Trevas tem: instituiu, todos se lembram, os "recursos de campanha não contabilizados," como forma de expressão para "caixa dois", que é crime. 

Prevendo algo nesse sentido, a prisão de José Rainha, nessa semana, um dos mais famosos líderes do braço armado dazesquerda revolucionária no campo, o MST,  por "desvio de recursos destinados a assentamentos" foi o  insight para  a criação de , que cairá como luva para várias "ações éticas" do desgoverno. (Velvet)


Fundamento da ética, que não é uma "ética" qualquer: as ações do homem devem concretizar as suas palavras. As ações do desgoverno das Trevas são pura desordem. E está na desordem do dia legalizar o crime. 

A Medida Provisória do desgoverno da Idade das Trevas criando a noite eterna para os orçamentos das obras da Copa, legaliza a inconstitucionalidade. O segredo de orçamento da Copa do Mundo, através da MP aprovada na Câmara, é absurdo, inconstitucional, ilegal!

Talvez seja esse o verdadeiro Plano "Brasil sem miséria",  com nas obras da Copa e das Olimpíadas.  Faz sentido: primeiro o desgoverno propõe o sigilo dos gastos com a Copa e as Olimpíadas; depois, o sigilo eterno dos documentos públicos. Noite eterna para os orçamentos. Sem miséria apenas para o desgoverno, cuja #liberdadedeexpressaocontabil possibilitará que os recursos não-contabilizados abundem.

A oposição tem que cotejar, para o povo, os gastos com a Copa e as Olimpíadas com o SUS, a educação, a segurança pública etc. A oposição tem que gritar aos quatro cantos da terra, ir ao STF, à OEA, à ONU, à Guerra! Contra essa MP inconstitucional.  Essa MP da "liberdade de expressão contábil" orçamentária, ratifica que o Brasil é uma ditadura de hipocrisia. (BSchopenhauer)


*Expressão idiomática utilizada em algumas Cortes, de alguns estados americanos, cujos juízes exigem que os advogados e promotores, ao fazerem exposição de seus argumentos, caracterizem sempre como sendo na sua própria opinião, e não a opinião do Tribunal (em minha opinião, seu juiz...).

4 comentários:

  1. Fica pois definido o termo politicamente correto (nossa, como odeio dizer isso): #liberdadedeexpressaocontabil
    É necessário uma cara de pau sem limites para ao menos apresentar uma proposta com tamanha ilegalidade e demonstração de aberta falcatrua.
    Segredo em custo de obra pré e pós licitação e contratação é obviamente chuncho.

    ResponderEliminar
  2. Mais um texto INSANAMENTE coerente. Sim, politicamente e socialmente passamos do estágio da embriaguês ou da anestesia geral e agora passamos pelo "Portal" e já estamos devidamente instalados no Universo Paralelo. Não vivemos mais num planeta redondo e não habitamos a crosta terrestre. Vivemos no interior de um casulo e o amanhecer é uma ilusão de ótica.

    A Liberdadedeexpressãocontábil é apenas um subterfúgio para oficializar o roubo e gerar "Recursos Não Contabilizados", tanto pessoais como Partidários !

    Lunarscape.

    ResponderEliminar
  3. Parabéns pelo texto conciso e excelente e parabéns aos dois comentaristas acima.

    Abçs!

    ResponderEliminar
  4. A MP da bandalheira na Copa é o auge da cara-de-pau da #diPTadura petralha. Além disso, o presidente DE FACTO é Lulla, visto que Dilma já comprovou definitivamente que é mero poste do poder que se instalou em 2003, se manteve através de fraudes eleitorais e compra generalizada de votos pelo bolsa-voto. E essa corja não pretende deixar o poder.

    ResponderEliminar