sábado, 23 de julho de 2011

A DIARISTA DO PLANALTO E O VELHO POPULISMO


O embrólio do Ministério dos Transportes está rendendo à dona presidente. Além do acréscimo naquela listinha de 28 medicamentos que usa, de mais alguns anti-ansiolíticos para o dia, e alguns calmantes para dormir, à noite, a herdeira do desgoverno das Trevas fatura como e o quanto pode com o título de Faxineira, que a imprensa genuflexa comprou de graça - e tem adorado propagar. 

Mas tem mais lixo nessas terras morenas de Tupinicópolis. No país demencial que o PT erigiu no lugar do Brasil, corrupção é posto, quase obrigatório. A bola da vez é a ANP, Agência Nacional do Petróleo, fatiada pelo PT num daqueles esquemas de aparelhamento partidário, comandada pelo aliadão-de-primeira-hora, o PCdoB, dos neo-comunistas de Rolex destepais. A revista Época dessa semana traz um impressionante relato, capitaneado pelos jornalistas Diego Escosteguy e Murilo Ramos, sob o título Agência Nacional da Propina: são depoimentos, vídeo, documentos, cheques, que expõem as entranhas do que um dos envolvidos no esquema, José Moreira, chamou de "lógica muito à petista": se é para cobrar propina, cobra-se caro, senão, "se a gente cobrar pouco, vê fantasmas todos os dias". No link acima, quem não é assinante pode ler um trecho da reportagem. Quem diria que comunista, aquele que prega sociedade alternativa e bem comum, contra o imperialismo capitalista do dinheiro, gostasse tanto de.... extorquir dinheiro, não é?

Pois, nessa semana que findou, se houve faxina, pode a Dona Diarista Rousseff ficar tranquila. Na próxima, não faltará trabalho para sua recém-descoberta vocação para a função de assessoria aleatória doméstica para assuntos de pó, sujeira e lixo. Enfim, uma coisa divertida nesse desgoverno das Trevas. Um quê de Jânio Quadros, o folclórico líder populista paulista que popularizou a Vassourinha, com o slogan "Vou varrer deste pais a corrupção!" Vassouras à mão, periga só que a Diarista do Planalto se esqueça de que o objeto é para varrer, suba nela e se vá, voando, para os quintos dos infernos...


7 comentários:

  1. Excepcional artigo. Uma verdadeira obra de arte reacionária contra toda a fantasia construida em torno da patética figura criada para dona deelma pela imprensa comprada e genuflexa.
    Diarista foi a cereja do bolo.
    FB e TT na hora...

    ResponderEliminar
  2. Nada a dizer, apenas ficar de pé e...
    CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP CLAP

    ResponderEliminar
  3. Só no governo Lula, uma empresa somente atuou como laranja em concorrências públicas 12370 vezes. Por 12370 entrou com com preços baixos, na qual é escolhida, para depois retirar-se e ceder lugar à empresas que entram com preços supervalorizados e estão em segundo lugar.
    É assim que trabalha o PT.
    Onde vai essa dinheirama toda? No bolso do corrupto envolvido? Na conta do partido? Que fundo será esse que cresce às custas do bolso contribuínte?

    ResponderEliminar
  4. Como sempre,Rê, vc falou e disse!

    Excelente texto! Bem verdade!
    D.Faxineira é ótimo! rsrsrs
    Só quem não conhece acredita,não? rsrs

    ResponderEliminar
  5. a gente pode demitir a faxineira?

    ResponderEliminar
  6. a gente pode demitir a faxineira?

    ResponderEliminar
  7. uma diarista porca, daquelas que varrem o lixo pra debaixo do tapete.

    ResponderEliminar