domingo, 14 de agosto de 2011

É DOMINGO - PAIS E FILHOS - O AMOR FINO


O amor fino não busca causa nem fruto. Se amo, porque me amam, tem o amor causa; se amo, para que me amem, tem fruto: e amor fino não há de ter porquê nem para quê. Se amo, porque me amam, é obrigação, faço o que devo: se amo, para que me amem, é negociação, busco o que desejo. Pois como há de amar o amor para ser fino? Amo, que amo; amo, porque amo, e amo para amar. Quem ama porque o amam é agradecido. Quem ama, para que o amem, é interesseiro: quem ama, não porque o amam, nem para que o amem, só esse é fino. 
Padre Antônio Vieira, in "Sermões"

2 comentários:

  1. Saber amar com esse amor fino nos eleva à proximidade de Deus... amar com total desprendimento é a forma mais pura (e difícil) de amor.
    Lindas e sábias palavras do padre Antonio Vieira, muito bem escolhidas pelo dedo encantado da Velvet...
    Bjos de bom domingo!

    ResponderEliminar
  2. Mercia Maria Almeida Neves14/08/11, 10:01

    "É só o amor que conhece oque é verdade,não quer o mal, não sente inveja, nem se envaidece".
    Amor fino,amor incondicional,amor puro, amor de pais.

    ResponderEliminar