domingo, 20 de novembro de 2011

É DOMINGO - A VERDADEIRA AFEIÇÃO

- Como posso testemunhar a minha afeição?
- Como um homem de caráter, como um homem afortunado; pois a razão nunca exige que nos abaixemos, que nos lamentemos, que nos coloquemos sob a dependência de outrem, que nunca acusemos Deus nem um homem. É assim que quero ver-te testemunhar a afeição: na qualidade de um homem que quer observar essas prescrições. Mas se devido a essa afeição - qualquer que seja o sentimento a que chamas afeição - deves ser escravo e infeliz, não te é proveitoso mostrar-te afeiçoado.

Epiteto, in 'Conversas'
Arquivo:
RAZÃO MORAL DO AMOR


Sem comentários:

Enviar um comentário