terça-feira, 4 de janeiro de 2011

E NÓS PENSAMOS: O QUE ERA O PAC?

E conversamos. Nós nos perguntamos. Cadê o país perfeito da propaganda do horário eleitoral? Esse é um dos retratos do governo da Idade das Trevas I e II, vendido como perfeito durante a campanha da dona Coisa do PT, que faz o governo da Idade das Trevas III.




Nesse feriado, passando por diversas estradas federais, comprovei a eficiente combinação assassina do emPACado com motoristas imbecis. São as estradas por onde morrem os brasileiros comuns. 50.000 pessoas comuns morrem anualmente no trânsito brasileiro. Mais um número que não estupefaz! São como 50.000 homicídios por ano, 400.000, durante os desgovernos da Idade das Trevas I e II. E os brasileiros seguem felizes. (BSchopenhauer)

50.000 pessoas morrendo por ano no trânsito é uma guerra. Vai muito além da revolta pelo nenhum uso dos R$ 1 trilhão e 270 milhões já recolhidos em impostos. Essas são fotos de uma estrada em que eu passei nesse final de ano. E o que a banda de cá, de pessoas comuns, pode fazer? Nada! Viajar, fotografar a condição da estrada, mostrar aqui e rezar para que não haja mortes! (Velvet)



6 comentários:

  1. Estradas federais estão com buracos como nunca antes neste país, mas o que revolta mesmo é saber a relação que isso tem com a maior arrecadação tributária de todos os tempos no Brasil.
    Revoltante! Dá náuseas!
    Viajarei de ônibus de Brasília até o Tocantins no dia 7 de janeiro, vou comprovar o estado em que se encontra este trecho. E, de quebra, comprovarei também o estado em que se encontram os aeroportos de Natal, onde estou e Brasília.
    O Brasil travou nesta Era das Trevas.
    O povo? Pão & Circo.
    S.O.S.
    Um abraço, amiga!

    ResponderEliminar
  2. OLÁ.

    SOU SEU MAIS NOVO SEGUIDOR.

    ESTA CHAVE QUE DEIXO AQUI ENTRE OS SEUS SEGUIDORES, CERTAMENTE, ABRIRÁ TODAS AS PORTAS PARA VOCÊ EM 2011.

    TORÇO, SINCERAMENTE POR ISTO.

    ESTOU CONVIDANDO VOCÊ PARA QUE VISITE MEU BLOG DE HUMOR: "HUMOR EM TEXTO".

    A CRÔNICA DESTA SEMANA É :

    "AH, MULHERES DE SAIA!"

    ESPERO QUE VOCÊ PARTICIPE E DÊ SUA OPINIÃO.

    UM ABRAÇÃO CARIOCA.

    ResponderEliminar
  3. RELEIAM ISTO:
    R$ 1 trilhão e 270 milhões já recolhidos em impostos. R$ 1 trilhão e 270 milhões já recolhidos em impostos. R$ 1 trilhão e 270 milhões já recolhidos em impostos.
    ------------------------------------
    Certo, os números estão aí, os prejuízos nas vidas perdidas e na economia. Sua raiva, a minha raiva. Mas aonde iremos para encontrar as pessoas tão indignadas quanto nós ? Muita gente lendo, poucas comentando. A preguiça dessa gente é tanta que nem para postar e cuspir tanto veneno da alma. Se ninguém reclama é porque está satisfeito. Só nós somos os indignados.

    ResponderEliminar
  4. As pessoas realmente tem preguiça. Enquanto isso, o Veneno Veludo vai usando as ferramentas que dispõe: as mentes que pensam, as iniciativas dos que redigem, e a web, que traz, ainda que poucas, as pessoas para o debate.

    Tentamos estimular esse debate em toda as seções do blog, fixas ou não. Tentamos estimular ao menos o pensamento, a reflexão, porque "pensar não dói." De fato, muitos lêem, poucos comentam. Com isso, deixamos de conhecer e reconhecer o que e como pensam. É uma pena.

    Venham e comentem. Uma hora, quando menos se esperar, veremos algum resultado prático. Tenho certeza disso. E quando digo, é porque tenho convicção mesmo.

    Obrigada pelas visitas e comentários!

    ResponderEliminar
  5. Também estou indignada com tudo isso, não só com as estradas, verdadeiros caminhos para acidentes por todo o Brasil como com essa servidão e comodismo dos brasileiros.
    Muitos reclamam, mas só em época de eleições. Muitos mudam de canal durante o noticiário, pois não querem saber de más notícias ou política.
    Mas todos são afetados, de uma maneira ou de outra, por esse descalabro todo.
    Falta o veneno ou o envenenador?

    ResponderEliminar
  6. Diante desse Brasil real, é nauseabundo ver sorrisos de felicidade nas faces ignaras!

    ResponderEliminar